Arquivos

Kinemortophobia: Medo de Zumbis

A Kinemortophobia é muitas vezes considerada uma piada onde, na realidade, é uma fobia muito real. Kinemortofóbicos têm medo de zumbis, ou medo de se transformar em zumbis. A palavra é derivada do grego “Kine”, que significa “mover”, e latim “mort”, que significa “mortos”, combinados para formar Kinemorto que significa, basicamente,“Mortos que Caminham”.

Pessoas que têm zumbi-fobia são tão aterrorizadas por esses “mortos-vivos”, que mesmo se alguém fizer uma imitação de zumbis (rigidez nas pernas, com os braços abertos, pintar o rosto, falar sem coerência, gemido, etc.) eles experimentam um completo ataque de pânico. A maioria dos Kinemortofóbicos perdem o sono por causa desse medo e não compreendem o fascínio cultural por zumbis.

Como todas as outras fobias, o medo de zumbis pode ser rastreado até episódio negativo ou traumático relacionado a esses canibais vivendo com o cérebro morto. Uma criança pode ter ficado com medo depois de assistir a um filme ou ler um livro sobre zumbis. Um irmão mais velho ou amigo poderia ter se vestido como um para aterrorizar a criança. Halloween pode ter exacerbado esse medo quando quase todos ao redor se vestem como um Zumbi.

Sintomas de medo de zumbis

Como a maioria das outras fobias específicas, o medo de zumbis também leva a uma variedade de sintomas físicos e emocionais:

• Ataque de pânico completo: gritos, choro, tremores incontroláveis, sudorese ou sensação de náusea, etc. Frequência cardíaca elevada, respiração rápida e sensação de “estômago em nós” também é relatada por Kinemortofóbicos.

• O fóbico pode evitar todas as coisas relacionadas aos zumbis: filmes, livros, jogos, etc.

• Eles muitas vezes têm problemas para dormir. Pesadelos são sintomas comuns de zumbi-fobia. A falta de sono muitas vezes leva ao estresse, incapacidade de se concentrar na escola ou no trabalho, etc.

• Muitas vezes, o indivíduo é incapaz de expressar seus medos: ele pode se sentir entorpecido ou desapegado da realidade, ou ter pensamentos constantes como filmes passando em sua mente.

Em casos extremos, a pessoa pode se tornar socialmente retraída ou deprimida. Ele/Ela pode evitar amigos que provocam ele/ela sobre a fobia. Sleepovers e Halloweens podem ser especialmente traumático para esses indivíduos.

BORBOLETAS

Aporia_crataegi-JB

Quando depositamos muita confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de
se decepcionar é grande.

As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as dela.

Temos que nos bastar… nos bastar sempre e quando procuramos estar com alguém, temos que nos conscientizar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.

As pessoas não se precisam, elas se completam… não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida.

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com a outra pessoa, você precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida.

Você aprende a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente a gostar de quem gosta de você.

O segredo é não cuidar das borboletas e sim cuidar do jardim para que elas venham até você.

No final das contas, você vai achar
não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

borboletas azuis

— Mario Quintana

Em Rio Claro homem acha pedaço de dedo em garrafa de cerveja SKOL

993370_690600214286864_1078456352_nr

Um consumidor de Rio Claro (SP) encontrou um objeto estranho dentro de uma garrafa de cerveja da marca Skol neste sábado (21). A bebida seria consumida em um bar, mas Rogério Gomes percebeu o problema antes de abrir a garrafa. A Ambev informou neste domingo (22) que é necessária uma análise técnica da garrafa para afastar a possibilidade de violação da embalagem, situação verificada em diversas outras ocasiões.

A empresa afirma que preza pela qualidade de todos os seus produtos e, por isso, mantém rigorosos processos de controle em todas as suas linhas de produção. “Quando ocorre qualquer reclamação, o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) tem como procedimento padrão, conforme determina o Código de Defesa do Consumidor, substituir o produto para que o mesmo seja encaminhado para análise técnica”, diz a nota enviada pela assessoria de imprensa.

Susto

Assim que pegou o vasilhame, o consumidor percebeu que havia algo de errado. O líquido estava turvo, com várias partículas e uma substância maior. Gomes, que é formado em química, não soube definir exatamente o que era poderia ser o corpo estranho.

“Fui abrir a garrafa e apareceu o que a gente chama em química de sólidos suspensos, parecia uma falange de um dedo. E eu falei, tem alguma coisa errada. Acho que deve algum problema no processo de fabricação, o que é bem preocupante devido aos coliformes fecais. Fiquei preocupado comigo e com todo mundo que está consumindo isso”, relatou.

Gomes conferiu a data de fabricação e viu que a cerveja ainda está dentro do prazo de validade. O químico disse que ligou para o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) da empresa. O atendente sugeriu a troca, mas ele não aceitou. “A empresa não se preocupou com o lote, com quem está consumindo, não se preocupou com nada”, afirmou. “A providência seria retirar todas as garrafas deste lote imediatamente do mercado e depois ver um parecer do que aconteceu”, disse o consumidor.
Para um consumidor pouco atento o objeto poderia até passar despercebido, já que a garrafa é escura. É somente contra a luz que o corpo estranho em meio ao líquido fica mais nítido. De todas as unidades que estão na geladeira do bar, apenas uma pertence ao mesmo lote da garrafa que apresentou problema. O dono do estabelecimento, que prefere não se identificar, pretende entrar em contato com o fornecedor que fez a venda.

Segundo as informações da tampa e do rótulo da garrafa, a cerveja foi produzida e envasada na unidade de Jaguariúna (SP), na região de Campinas.

Denúncia

O coordenador de Vigilância Sanitária, Agnaldo Pedro da Silva, disse que o consumidor pode formalizar a denúncia e o órgão encaminhará ao Ministério da Agricultura e Abastecimento, que responde pelas cervejas.

O consumidor disse que não iria fazer boletim de ocorrência. “Eu acho que é um caso isolado, eles vão resolver, mas vão ter que me provar que nunca mais ocorrerá algo desse gênero no produto deles”, afirmou.

Em contato com o SAC no fim da tarde deste sábado, a atendente informou que o ocorrido com o produto pode ter sido provocado devido ao armazenamento ou transporte incorreto do próprio estabelecimento onde foi efetuada a compra, ao qual o produto pode ter ficado exposto ao sol, chuva, local abafado ou até mesmo ter sido congelado e descongelado. Isso pode ter feito com que o produto criasse uma aglomeração dos próprios ingredientes causando essa sedimentação.

“Como foi informado que o produto permanece lacrado, o que podemos fazer é retirá-lo para uma análise para saber o que realmente ocorreu com ela e após a retirada nós levamos outra unidade com perfeitas condições de consumo. Se vão ser tomadas alguma providência em relação ao mesmo lote, eu não tenho nenhum tipo de informação”, informou a atendente.

cerveja3

Fonte: http://www.superradio.com.br/site/em-rio-claro-homem-acha-pedaco-de-dedo-em-garrafa-de-cerveja-skol-veja/

Desculpe, mas estou de luto!

547024_573120032747389_519390702_n

O POVO BRASILEIRO PERDEU MAIS UMA BATALHA (PRA NÃO DIZER A GUERRA).

O NOSSO MAIOR SÍMBOLO VIROU-SE CONTRA O POVO.

Nem sei o nome do sentimento que estou sentindo, parece que estão todos misturados.

Omissão de socorro não é crime? Nós [BRASILEIROS] contávamos com essa ajuda, agora todas as esperanças de um país melhor foram esgotadas.

Parece que o certo tornou-se errado e o que era errado agora está certo, INVERSÃO TOTAL DE VALORES.

Tenho vergonha de ser brasileiro!

 

Não espere nada de ninguém – por Luis Antonio Gasparetto

“O segredo da felicidade é aprender a não esperar nada de ninguém. Evite criar grandes expectativas e deixe que os acontecimentos surpreendam você.”

tumblr_laag0j3ZJH1qe42jio1_500

“Nesta semana, quero passar um exercício para eliminar a tristeza. Antes, quero ajudá-la a lidar com a decepção, uma das grandes causas desse estado de espírito. Já percebeu como nos frustramos por esperar demais das pessoas? Taí um erro. Pois é, o que não conseguimos entender é que até os entes mais queridos não têm condições de dar o que queremos ou simplesmente não querem dar, afinal todos são livres para fazer as próprias escolhas. E você aceita isso? Não, né? Ninguém aceita uma recusa…

Aonde eu quero chegar? Se você não esperar nada de ninguém, dificilmente se entristecerá. Repito: não espere nada de ninguém! Se vier, ótimo. Se não, siga em frente, sem alimentar o seu lado vítima, o “pobre de mim”. Quer saber? Como posso me desapontar comigo mesmo, também não espero nada de mim. Viu só? Incorporar certas ideias pode dar aquela leveza de que precisamos na vida. Agora procure um lugar calmo e leia o trecho abaixo:

“Eu estou aqui, vivo a vida com seus desafios. Eu não sou coitada e nem vítima dessa situação. Eu solto e assumo minha coragem! Assumo minha vontade de ir e a necessidade de elevar meu astral. Eu me alegro por falar o que quero. Por expressar meus sentimentos como são. Sim, eu posso me manter tranquila, deixando que as pessoas cuidem de seus problemas e assumindo os meus. Eu posso me manter tranquila não esperando nada de ninguém. Porque decido ter humor e não levar as coisas exageradamente a sério. Eu posso agir seriamente e sorrir sempre. Posso rir e jogar fora mágoas, tristezas e desilusões. Hum, que bom jogar fora as desilusões… Mais do que tudo isso, me aceito. Sou assim. Tenho uma série de defeitos e fraquezas. Mas é o que sou, é o jeito que eu sei fazer. Quero estar bem comigo. Os outros não fazem por mim. Eu me viro e vivo bem. Aconteça o que acontecer, eu me viro e vou arriscar.”

Uma das chaves para sair da tristeza é arriscar. Então vamos lá, arregace as mangas, pise fundo e coloque uma coisa em mente: a gente vai ter sempre que enfrentar algo na vida. Encare-a, portanto, com boa vontade, bom sentimento e o seu melhor. A vida não caminha de acordo com nossos sonhos. Não faz mal. O importante é que nela há sempre um mistério que pode nos encantar”…

Autor:Luis Antonio Gasparetto

Fonte: http://passarinhosnotelhado.blogspot.com.br

Ministério da Saúde: Campanha de Carnaval 2012

Os jovens gays de 15 a 24 anos são o principal foco da campanha do Ministério da Saúde para o carnaval deste ano, porque, de 1998 a 2010, o percentual de casos na população homossexual de 15 a 24 anos subiu 10,1%, conforme boletim epidemiológico de 2011. O conceito da campanha é: “Na empolgação pode rolar de tudo. Só não rola sem camisinha. Tenha sempre a sua”.

Ela será veiculada em dois momentos: a partir do dia 13, antecipando o carnaval, com alertas para o uso responsável do preservativo, e no período pós-festa, a partir do final de fevereiro, com a promoção do diagnóstico e a conscientização da necessidade da realização do teste.

A grande novidade do carnaval deste ano é um pôster dirigido às travestis. É primeira vez que o Ministério da Saúde apresenta um material específico para esse público na campanha de carnaval. Outros dois pôsteres direcionam-se aos jovens gays e à população heterossexual.

Fonte: http://www.aids.gov.br/campanhas/2012/carnaval