COVER: Artur Katz – Devil Wouldn’t Recognize You [Madonna]

Madonna

Madonna

No mês de aniversário da eterna rainha do POP – MADONNA (16 de agosto de 1958), um cover bem legal.

Uma das suas melhores músicas na minha opinião.

 

Madonna – Nem o diabo reconheceria você [Tradução]

Está tão calmo hoje à noite
você poderia chegar a pensar que foi salvo
seus olhos são cheios de surpresas
eles não podem prever o meu destino

Esperando sob as estrelas
há uma coisa que você deveria saber
os anjos cercam o meu coração
e me dizem para esquecer você

Aposto que ele não conseguiria,
aposto que ele não reconheceria
mas eu entrei no jogo,
quem sou eu para criticar?
vou acabar superando isso,
e você nem vai se dar conta
seu próprio disfarce não deu certo

Várias vezes
você me empurra ao chão
eu deveria ir embora várias vezes
eu continuo voltando para mais
eu entro na sua fantasia,

agora que acabou
você pode mentir para mim
através do seu sorriso
enxerguei o que há por trás,
agora estou lúcida
chega de intoxicar a minha mente

Nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
eu, sim, eu, sim

Você quase mostrou do que é capaz desta vez
que todos os santos sejam louvados
você esconde sua tristeza
atrás do seu sorriso
e guarda as suas mágoas passadas
os degraus ao longo da cordilheira
são muito mais altos do que parecem
eu já estive nessa cordilheira
você não pode se esconder de mim

Aposto que ele não conseguiria,
aposto que ele não reconheceria
mas eu entrei no jogo,
quem sou eu para criticar?
vou acabar superando isso,
e você nem vai se dar conta
seu próprio disfarce não deu certo

Várias vezes
você me empurra ao chão
eu deveria ir embora várias vezes
eu continuo voltando para mais
eu entro na sua fantasia,

agora que acabou
você pode mentir para mim
através do seu sorriso
enxerguei o que há por trás,
agora que acabou
chega de intoxicar a minha mente

Nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
eu, sim, eu, sim

Várias vezes
você me empurra ao chão
eu deveria ir embora várias vezes
eu continuo voltando para mais
eu entro na sua fantasia,

Agora que acabou
você pode mentir para mim
através do seu sorriso
enxerguei o que há por trás,
agora que acabou
chega de intoxicar a minha mente

Nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
eu, sim, eu, sim

Nem o Diabo reconheceria você, eu, sim
nem o Diabo reconheceria você
eu, sim

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s