Realidade ou fantasia?

Fantasy-fantasy-32822142-1920-1280

A parada é a seguinte, vão me chamar de louco, mas mesmo assim estou disposto a escrever. Não espero que acreditem em mim, vou contar como experiência pessoal.

Hoje (09-07-2013) por volta de 2:04h da madrugada tive um sonho, não era um pesadelo, era diferente de um pesadelo por eu não tentar me livrar daquilo, mas parece que aquele sentimento bom foi implantado na minha mente, conforme acordava, sentia que não conseguia me mexer, meu corpo estava formigando, quando consegui abrir os olhos senti minha cabeça como se tivesse em intensa atividade (talvez pelo sonho) e como se algo tivesse saído de cima de mim instantaneamente, depois disso toda a cama parecia tremer, como num terremoto, toquei na parede e a parede também tremia, na verdade tudo tremia, na cama estava eu, meu filho de 3 anos e minha esposa, o quarto estava escuro, tentei acordar minha esposa mas ela nunca acordou, nunca tinha visto ela com um sono tão profundo, normalmente ela acorda assim que a chamo. Foi muito estranho.

Com um intervalo de tempo tenho observado alguns fatos curiosos em casa, tento procurar explicações lógicas, mas acabo por não explicar muito essas coisas.

Uma bem interessante, no ano passado (2012), foi quando ficava na sala em frente ao computador e do meu ângulo de visão era possível visualizar a cozinha, a primeira vez que vi, o que chamamos de vultos, ele passava da porta da saída da cozinha para a dispensa, o primeiro que vi, ainda era dia, era um vulto branco, mas podia se observar que era feminino, o chato de se explicar um vulto é que não podemos olhar diretamente pra ele, um vulto é mais rápido que o seu olho, até aí poderia ser fruto da minha mente e nada demais, pois todos os dias centenas de pessoas veem vultos. Eu próprio nem dei confiança, no máximo usei a minha lógica, pois a porta da cozinha estava trancada, logo ninguém poderia passar por ali. Depois vi um vulto negro passando, também de uma figura feminina, acho que vi esse umas duas vezes, e eles, tanto o vulto branco quanto o negro passavam sempre no mesmo sentido, saindo da porta da cozinha até a dispensa, eu em nenhum momento pensei em me levantar pra ir confirmar, pois era sem lógica, nem tive medo, pois não pensava em nada. Mas o que me deixou com medo foi o que aconteceu um ou dois dias depois. Estava no computador, devia ser por volta de 21h ou 22h. Acho que já tinha visto o vulto negro passar umas três vezes, na minha cabeça era algum efeito criado pela tela do PC nos meus olhos ou mesmo na minha mente. A luz da cozinha estava acesa e minha tia estava na sala assistindo TV e do ângulo que ela estava também era possível ver a cozinha. Enquanto estou no PC minha tia passa pra cozinha e começa a chamar minha esposa, então eu digo que ela já estava deitada, é aí que o papo fica sinistro. Eu já desconfiado do que ela tinha visto, pergunto pra ela o que estava acontecendo, ela me conta que viu uma pessoa passando, pronto, meu mundo caiu!!!!

Eu que sempre questionei e duvidei dessas coisas tive uma prova pessoal da existência dessas coisas, tive muito medo quando ela disse, pois eu estava vendo aquilo também e não era fruto da minha mente ou um defeito nos meus olhos, nós dois vimos a mesma coisa naquela noite. Depois disso ela disse que rezou, disse que ainda viu mais um dia, mas eu depois dessa noite nunca mais vi.

Uma outra noite, de madrugada, meu filho ainda era recém nascido, e dormia com a mãe na cama, e eu com medo de machucar o neném dormia na rede, que fica próxima da cama. Fiquei até tarde no PC do quarto, e como tenho o costume de dormir ouvindo música, peguei o celular e os fones de ouvido e fui deitar, eu não demorei dois minutos deitado, apenas fechei os olhos, quando senti alguém bater na rede, e parecia com raiva, bateu umas duas ou três vezes. Bom, pensei, como minha esposa, às vezes, precisa ir ao banheiro e ela tem medo do neném cair, ela está me chamando pra ficar olhando, e ainda fiquei chateado porque tinha batido com raiva, sabendo que tinha acabado de me deitar e sabia que ainda estava acordado, me levantei mais que depressa e nisso tenho uma surpresa, o abajur ligado, meia luz no quarto e os dois dormindo, eu olhei todo esse quarto em um segundo, porta trancada, nada mais, o sangue desceu todo pros meus pés, eu gelei de medo, arranquei os fones, e só comigo pensei, deixa isso pra lá, me embrulhei todo e fui dormir com muito medo.

Aprendi a ficar calado sobre esses acontecimentos, não é bem visto quem passa por essas experiências. Como o Blog é onde quero guardar os acontecimentos da minha vida, não vejo porque não registrar aqui.

Queria saber se isso já aconteceu com mais alguém. Espero receber comentários e relatos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s