Em Boa Vista, manifestação reúne quase três mil pessoas

Manifestantes se concentraram no Palácio do Governo e Casa Legislativa.
Mobilização percorreu ruas da cidade e não registrou incidentes.

Manifestantes ocuparam a Praça do Centro Cívico, onde ocorre a festa "Boa Vista Junina" (Foto: Érico Veríssimo/G1)

Manifestantes ocuparam a Praça do Centro Cívico, onde ocorre a festa “Boa Vista Junina” (Foto: Érico Veríssimo/G1)

Em Roraima, a manifestação em apoio aos protestos que ocorrem no país reuniu nesta terça-feira (18) quase três mil pessoas, segundo informações da Polícia Militar. Iniciada às 18h na Praça das Águas, o protesto percorreu as principais ruas do Centro de Boa Vista até os prédios públicos da capital.

Centenas de manifestantes se concentraram em frente à Assembleia Legislativa do Estado e gritaram palavras de ordem. A Cavalaria da Polícia Militar delimitou o espaço, impedindo que os manifestantes avançassem e invadissem o prédio.

Com buzinas, apitos e gritos eles pediram para que o governador José de Anchieta (PSDB) aparecesse. Criticaram senadores roraimenses, deputados estaduais e, por várias vezes, chamaram os policiais militares para “passarem para o lado deles”. Não houve nenhum incidente registrado, embora alguns manifestantes tivessem rompido a fita de isolamento e uma grade de proteção a uns cem metros da entrada do Palácio.

Depois de aproximadamente 15 minutos concentrados na entrada da Casa Legislativa, eles atravessaram a rua em direção ao Palácio Senador Hélio Campos, sede do Governo do estado. O prédio também estava protegido pela Polícia Militar, cercado por grades e com apoio de parte da Cavalaria.

Uma estudante, que não quis se identificar, disse que é muito importante que ocorra esse tipo de manifestação. “O Brasil acordou, não estamos mais acomodados e vamos reivindicar nossos direitos”, disse. Ela ressaltou que tudo será feito de forma ordeira e pacífica.

Entre os apoiadores do movimento, um professor universitário ressaltou que o último movimento igual a esse ocorreu há mais de duas décadas, quando o povo foi às ruas pedir o impeachment do ex-presidente Fernado Collor de Melo. “A juventude está atenta, cansou de ser tachada de apática e resolveu se mobilizar. Esse é um movimento nacional, cujo caráter principal é a exigência por mudanças em todos os níveis”, ressaltou.

Ao sair da sede do Governo, a passeata “invadiu” a área onde é realizado o “Boa Vista Junina”, arraial iniciado esta semana. No evento, os manifestantes ganharam o apoio dos organizadores e anunciaram que as reinvidicações deverão ser realizadas até o próximo dia 20.

O protesto foi encerrado por volta das 21h, quando os manifestantes voltaram para a frente da Assembleia Legislativa, acenderam uma fogueira, entoaram o Hino Nacional e chamaram as pessoas a irem para as ruas se manifestar contra a corrupção .

O coronel Amaro Júnior, do Comando de Policiamento da Capital, disse que a tranquilidade foi mantida com o efetivo normal da Polícia Militar. “Eu mesmo circulei entre os manifestantes e não fui hostilizado. Confiamos na tranquilidade do povo de Boa Vista e não houve necessidade de colocar mais policiais nas ruas”, disse.

 

Fontehttp://g1.globo.com/rr/roraima/noticia/2013/06/em-boa-vista-manifestacao-reune-quase-tres-mil-pessoas.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s